As Revoluções na Física por Roger Penrose

Agosto 11, 2006


Einstein em 1905, o seu annus mirabilis

O físico Roger Penrose(1931-) sustenta no prefácio do livro O ano miraculoso de Einstein – Cinco artigos que mudaram a fase da física (organização e introdução de John Stachel) a tese de que houveram tão somente cinco revoluções na história da Física:

Primeira Revolução(Grécia Antiga): Surgiu a noção de geometria euclidiana e quando se produziu algum conhecimento a respeito de configurações estáticas e de corpos rígidos. Mais ainda, quando começou a haver uma valorização do papel crucial do raciocínio matemático nas nossas percepções da natureza.

Segunda Revolução(Séculos XVI-XVII): Galileu e Newton nos disseram como os movimentos dos corpos ponderáveis podem ser entendidos em termos de forças entre suas partículas constituintes e das acelerações que essas forças engendram.

Terceira Revolução(Século XIX): Faraday e Maxwell mostraram-nos que as partículas não eram suficientes, e que deveríamos considerar também a existência de campos contínuos permeando o espaço, com o mesmo grau de realidade que as próprias partículas. Esses campos foram combinados em uma única entindade que a tudo entremeia, referida como o campo eletromagnético, e o comportamento da luz pôde ser maravilhosamente explicado em termos de oscilações autopropagantes.

Quarta Revolução(Século XX): virou de cabeça para baixo nossas concepções de espaço e de tempo, combinando as duas naquilo que agora chamamos espaço-tempo, um espaço-tempo que se mostra sutilmente curvo, de tal modo que dá origem ao fenômeno há muito tempo familia, onipresente e misterioso da gravitação [Teoria da Relatividade].

Quinta Revolução(Século XX): mudou completamente a maneira pela qual entendemos entendemos a natureza da matéria e da radiação, fornecendo-nos uma visão da realidade em que partículas comportam-se como ondas, e onda, como partículas, em uma perspectiva na qual nossas descrições físicas normais estão sujeitas a incertezas essenciais e em que objetos individuais podem se manifestar em diversos lugares ao mesmo tempo [Mecânica Quântica].

O mais interessante e notável, afirma Penrose, é que um único físico, Albert Einstein(1879-1955), “tenha estabelecido as bases de ambas as revoluções do século em um único ano, 1905”. O livro organizado por Stachel, do qual já tive a oportunidade de ler uma parcela significativa, apresenta os cinco artigos publicados por Einstein naquele ano (os outros dois foram acerca do movimento browniano e a tese de doutorado de Einstein, “Uma nova dimensão das dimensões moleculares”), cada um com sua respectiva introdução e uma introdução geral no início do livro.

Uma resposta to “As Revoluções na Física por Roger Penrose”

  1. Rosely Freitas Says:

    Sou professora de Física e ainda não li esse livro, mas ainda assim acredito que terei que ler com bastante calma e reler quando necessário, pois como você descreve, seria desperdício não aprender um pouco mais dessa ciência que engloba as demais.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: